Seguidores

quarta-feira, 3 de abril de 2013

DESTINO

No mundo, somos os viajantes do tempo.
O trem na estação que parte cedo de sua plataforma, 
e segue uma música ao longe no compasso dos trilhos.
O carro para no semáforo, onde à espera parece não ter fim

pra marcar o sinal verde, e seguir ao seu destino
entre as milhas em que irá ainda percorrer.

O tempo passa...
O tempo para...
E, volta a contar no pêndulo o destino
sem tempo para acabar.


Margleice Pimenta
Fortaleza/CE
Postar um comentário